Assistência Odontológica para gatos

atendimento odontológico gato é importante certificar-se de que seu animal de estimação gosta de um atestado de saúde, entre outras coisas. Os gatos também precisam de seus dentes para ser tomado cuidado de, pois pode levá-los a um monte de outros problemas relacionados com a sua saúde geral. Por exemplo, se o seu gato de estimação tem problemas periodontais, pode não comer bem e experimentar a saúde debilitada devido à falta de nutrientes adequados no organismo. Isso é o quão importante o atendimento odontológico é para o seu gato de estimação.

A maioria dos gatos podem sofrer de uma ampla gama de condições dentárias, se não forem devidamente tratados. É por isso que é da responsabilidade do proprietário do animal para se certificar de que o seu gato de estimação segue um regime de boa higiene dental. Pode ser trabalho, mas é muito bem servir você e seu gato de estimação bem no longo prazo.

Um dos problemas que os gatos sofrem com os dentes é a placa. Assim como os humanos, os gatos também têm acúmulo de tártaro nos seus próprios dentes chamados de placas. Isto é devido t os muitos tipos de alimentos que os gatos comem com algumas das substâncias que se acumulam em seu dentes que pode ainda levar ao acúmulo de tártaro. Se o acúmulo de placa continua, ele pode levar a problemas de gengiva e, eventualmente, a perda de dentes do seu gato de estimação.

Nem todos os gatos têm a mesma experiência com placa. Sua parece ser alguns gatos que são propensas ao acúmulo de tártaro, enquanto há outros que parecem fazer bem, mesmo com pouco cuidado dental. Alguns gatos podem exigir dentes regulares de limpeza, a fim de remover a placa acumular de seus dentes. A placa é um depósito amarelo esbranquiçada que se desenvolve gradualmente nos dentes.

Em gatos, a placa geralmente se desenvolve na face exterior dos dentes superiores. Se deixou de acumular, placa pode causar problemas de gengiva em gatos. Isto pode ser visto nas linhas de goma avermelhada que pode indicar que a placa já está a provocar alguma irritação.

A fim de evitar o excesso acúmulo de placa bacteriana nos dentes do seu gato de estimação, uma limpeza anual dentes podem ser sugeridas. Veterinários costumam colocar os gatos sob anestesia geral para ter seus dentes limpos. Mas este serviço pode vir com algum custo considerável. A próxima melhor coisa seria ter os dentes do seu gato de estimação limpa em casa.

Pode levar algum tempo para se acostumar ao tentar limpar os dentes do seu gato de estimação em casa. Gatos geralmente não gostam de ter seus dentes limpos. A fim de fazer isso, você pode precisar de ter o seu gato de estimação colocado em uma camisa de força toalha de banho, bem como um ajudante.

Gato

Produtos para ajuda

A escova de dentes do tamanho da criança iria funcionar bem quando limpar os dentes do seu gato de estimação. Você também pode fazer uso de algum creme dental comestível disponíveis em lojas de animais para tornar a tarefa mais fácil para você. Às vezes, os gatos podem se acostumar com a escovação dos dentes, se feito em uma base semanal.

Às vezes, quando você tentar observar alguns cuidados dentários gato de estimação, você pode achar que o seu gato de estimação tem um mau hálito. Isso pode ser causado por duas coisas. Um pode ocorrer quando um jovem gato está dentição. Com cerca de seis meses de idade, os gatos começam a perder seus dentes do bebê com os permanentes substituí-los.

O odor na respiração do gato pode ser devido aos dentes processo de mudança. O odor na respiração do seu gato acabará por diminuir uma vez que os dentes entram.

O que é oratória e por que é essencial para a liderança?

Entenda o que é oratória, para que serve e como aplicá-la na liderança.

Algum dos registros mais antigos do uso da oratória remontam ao antigo Egito. Na Grécia antiga e na Roma, a oratória era utilizada e muito valorizada como forma de persuadir o público, sendo isso definido como retórica.

Esse conceito adquiriu tanta importância que durante a Idade Média e o Renascimento a oratória foi enfatizada como parte da educação nas artes liberais.
Nesse ponto, você já deve ter percebido a importância histórica da oratória, não é mesmo? Então, a pergunta que nos resta é: o que é oratória? Continue lendo para descobrir os principais pontos a serem considerados quando falamos dessa capacidade humana.

oratória

O que é oratória?

Bem, podemos definir esse termo como sendo um conjunto de habilidades capazes de diferenciar um discurso comum de um memorável.

É só falar? Só ficar de pé? Só gesticular? Não, oratória é muito mais do que isso, oratória é a arte de falar com eloquência. Vou te explicar!
De acordo com o nosso dicionário, falar com eloquência significa falar com desenvoltura, com propriedade, falar com desenvolvimento, demonstrando conhecimento e domínio do assunto.

E na prática, o que é oratória? É a soma de três fatores: a linguagem corporal, mais a linguagem verbal, além de uma mensagem bem estruturada. Tudo isso sendo dito com muito entusiasmo.

Os princípios da oratória

Linguagem corporal não é dançar ou apenas movimentar o corpo. É o olhar, a forma como você movimenta a sua mão, como se faz o jogo de corpo, como se anda no espaço em que você está.

A comunicação verbal nada mais é do que a fala. A fala pede entonação, ritmo, dicção e ênfase.
Já uma mensagem bem estruturada significa organizar as suas ideias. Ter sempre tudo bem organizado e definido em sua mente, com a ordem com que procederá os temas.

Não pode faltar o entusiasmo. Basta imaginar como você se sente quando vai assistir a um vídeo, uma aula ou palestra em que o narrador não fala com paixão. Não dá vontade de continuar, certo?
Entusiasmo é chegar para fazer a palestra e transmitir paixão com aquilo que se faz, realizar a tarefa com amor, e dessa forma o orador se torna convincente e agradável, prendendo assim a atenção do público. Para fazer isso, existem algumas técnicas para se tornar um bom orador e falar bem em público.

A liderança e a oratória

Se eu não quero fazer seminários, não tenho interesse em ministrar palestras e não sou professor, então por que focar na oratória?
Em qualquer área do conhecimento, o uso da oratória é fundamental. Em uma entrevista de emprego, por exemplo, quando o recrutador pergunta sobre você, o que você diz?
Diz que se formou em 2000 e fez uma especialização? E aí esquece de dizer que você é uma pessoa com entusiasmo, responsável, comprometida, com várias experiências?
Esquece de dizer que você tem capacidade de assumir essa vaga porque acredita na empresa e que esse espaço pode ser um lugar para você mostrar seu conhecimento? Nesse caso, o problema é a falta da oratória.

Agora, imagine um líder que tem que apresentar um relatório para sua equipe. Os grandes oradores possuem técnicas diferenciadas com as quais vão mostrar exatamente o ponto a que querem chegar, vão amarrar as ideias corretamente e demonstrar uma postura diferenciada. Isso faz toda a diferença para exercer a liderança em uma organização.

A oratória pode e deve ser aplicada em diversas áreas e situações, como: discursar sobre algum tema, ministrar um treinamento ou uma aula, defender uma ideia em uma reunião, realizar um negócio ou uma venda, por exemplo.
Um bom orador é aquele que consegue se expressar bem em qualquer lugar, seja na universidade, na igreja, no seu grupo de amigos, em uma festa, no bar ou até para conquistar a pessoa amada.

Diabetes, Neuropatia e Saúde Sexual

Quando se trata de saúde sexual, o diabetes é uma força a ser enfrentada.

Diabetes é um distúrbio metabólico. Normalmente, quando um corpo digere comida, os produtos químicos dividem a comida em açúcares e ácidos. O pâncreas produz um hormônio chamado insulina, que ajuda o corpo a usar açúcar como energia. No entanto, em pessoas com diabetes, o corpo não produz insulina suficiente ou não a utiliza de forma eficaz. Como resultado, há muito açúcar no sangue, aumentando o risco de uma variedade de problemas de saúde.

Estima-se que mais da metade dos homens com diabetes irá desenvolver disfunção erétil (DE), a incapacidade de ter uma ereção firme o suficiente para a relação sexual. Além disso, os homens diabéticos tendem a desenvolver DE cerca de dez a quinze anos mais cedo do que os homens que não são diabéticos. E ED pode ser mais grave para homens com diabetes.

As mulheres diabéticas também têm seu quinhão de questões sexuais. O diabetes pode levar a uma lubrificação vaginal deficiente, o que pode tornar o sexo desconfortável ou doloroso. Mulheres com diabetes podem ter problemas com desejo e excitação. Eles também são mais propensos a infecções fúngicas.

Como o diabetes causa esses problemas? A neuropatia é um caminho. Hoje vamos dar uma olhada nesta doença do nervo e como diabéticos podem atrasar ou até mesmo impedi-lo.

O que é neuropatia?

Neuropatia é dano do nervo. Segundo a American Diabetes Association, cerca de metade dos diabéticos têm neuropatia. É mais comum em pessoas idosas e naquelas que têm diabetes há muito tempo. Mas os mais jovens também podem ter neuropatia, especialmente se não mantiverem o açúcar no sangue sob controle.

Os danos nos nervos da diabetes podem acontecer em qualquer parte do corpo: pernas, estômago e olhos, por exemplo. Mas isso também pode acontecer em seus genitais.

Neuropatia e Órgãos Sexuais

O tipo de neuropatia que afeta os órgãos sexuais é chamado de neuropatia autonômica. Isso significa que o dano nervoso ocorre nos nervos autonômicos – aqueles envolvidos com processos que você não controla conscientemente, como o batimento cardíaco ou o sistema digestivo. (Você não “diz” ao seu sistema digestivo para digerir a comida; simplesmente acontece.)

Da mesma forma, quando as pessoas são sexualmente estimuladas, os sinais passam através de um sistema de nervos para o cérebro. Esses sinais iniciam o processo de preparar o corpo para o sexo.

Nos homens, eles “contam” os músculos penianos para relaxar e os vasos sanguíneos se expandem, permitindo que mais sangue flua para o pênis para formar uma ereção. Nas mulheres, os sinais “contam” a vagina para começar a lubrificar enquanto o sangue flui para os genitais.

Mas em uma pessoa com neuropatia, esses sinais não são transmitidos corretamente – ou de forma alguma. Por exemplo, alguns dos vasos sanguíneos de um homem podem se expandir, mas alguns podem não. Nesse caso, pode não haver sangue suficiente fluindo para formar uma boa ereção. Ou, os vasos sanguíneos podem não receber a mensagem e não há fluxo de sangue.

Os cientistas não sabem ao certo o que causa a neuropatia, mas alguns acham que proteínas anormais resultantes do alto nível de açúcar no sangue danificam os nervos. Outra teoria é que o açúcar no sangue adultera o processo de sinalização. O açúcar também pode danificar as paredes dos vasos sanguíneos que trazem nutrientes aos nervos.

Nervos Saudáveis

Os nervos saudáveis ​​são essenciais para uma boa função sexual. Então, como os diabéticos podem prevenir ou retardar a neuropatia ou aliviar alguns de seus sintomas?

A maneira mais importante é controlar o açúcar no sangue. Tenha muito cuidado com sua dieta e tome todos os medicamentos exatamente como prescritos. Se você tiver alguma dúvida sobre como gerenciar seu diabetes, não deixe de perguntar ao seu médico.

Exercício pode ajudar, mas alguns tipos de exercício não são recomendados para pessoas com neuropatia. Verifique com seu médico antes de iniciar qualquer programa de exercícios.

Lembre-se, também, que o controle do diabetes não é bom apenas para os nervos envolvidos na função sexual. A neuropatia pode acontecer em qualquer lugar, então o controle do açúcar no sangue beneficia todo o seu sistema nervoso – e todo o seu corpo.

Razões para dar Probióticos ao seu Cachorro

Todos nós queremos que nosso filhote fique saudável e cresça da melhor maneira possível. Por esta razão, às vezes – proprietários curiosos como nós – nos descobrimos investigando durante horas sobre toda a novidade que diz respeito ao nosso querido animal de estimação. Então confira as razões para dar probióticos ao seu cachorro

Razões-para-dar-probióticos-ao-seu-cachorro

Probióticos aumentam consideravelmente a saúde dos filhotes

Você precisa de mais razões para incluí-los em sua dieta? Não há problema! Aqui estão cinco dos benefícios mais importantes que eles alcançam em seu organismo peludo

Eles fortalecem o sistema imunológico:

Vários estudos asseguraram que um bom desenvolvimento do sistema digestivo é essencial para fortalecer o sistema imunológico. Portanto, como a ingestão de probióticos ajuda o sistema digestivo cumpre sua função como uma barreira para vírus e infecções, bem como alergias e intolerâncias alimentares, este beneficia tanto a saúde do sistema imunológico do seu animal de estimação.

Especialmente nos primeiros meses de vida, quando os cães são muito suscetíveis a doenças de origem viral porque seu sistema imunológico está apenas se formando. Mais se considerarmos que, nesse estágio, eles estão sujeitos a programas de vacinação, momentos de estresse, como separação da mãe e adaptação a uma nova família, e uma série de coisas novas para eles.

Melhore a sua saúde durante o período de desmame:

Como mencionamos no ponto anterior, os filhotes podem passar por diversas situações de estresse e condições ambientais que a primeira coisa que alteram é o trato gastrointestinal. Ou será que você não percebeu que, antes de uma emoção forte, podemos nos sentir enjoados ou podemos ficar chateados com o estômago? A mesma coisa acontece com o seu cabeludo.

Por essa razão, é necessário ser muito rigoroso que, durante esta fase do desmame e da socialização, os filhotes sejam alimentados corretamente. Coisa que a ingestão de probióticos pode favorecer diretamente, desde que uma flora intestinal rica tirará vantagem dos nutrientes ao máximo e será capaz de assimilar os antioxidantes e minerais como deveria ser.

Eles ajudam a recuperar a flora intestinal:

Se você é sensível a medicamentos e já teve uma intensa administração de antibióticos, você certamente saberá o que isso pode afetar o sistema digestivo, levando à diarréia ou vômito. E a mesma coisa pode acontecer com o seu cachorro.

Isto é porque alguns tipos de fármacos, tais como antibióticos, anti-helmínticos ou anti-infecciosos, tais como metronidazol (uso muito comum), alterar grandemente a flora intestinal, eliminando boas bactérias e enfraquecendo o tracto digestivo.

Nestes casos, os probióticos são muito úteis, pois ajudam a recuperar as boas bactérias perdidas.

Eles podem servir como “protetores gástricos”:

três pontos a respeito se você peludo pequena reage mal às drogas, e aqueles que põem em breve, você pode optar por oferecer, antes de uma colher de sopa de um dos probióticos mais benéfica de origem natural para cães: iogurte orgânico.

Sendo composto de cepas de bactérias como Lactobacillus, Lactobacillus acidophilus e Bifidobacterium, é um alimento muito bom para a saúde dos cães. No entanto, é importante que ele é livre de açúcares e gorduras trans de modo que não é prejudicial para o seu animal de estimação, além de não recomendado para exagerá-los e ajudar se eles sofrem de alergias graves ou dose de intolerância à lactose.

Evite doenças:

Sim, já dissemos várias vezes que, controlando o equilíbrio da flora intestinal, previne doenças relacionadas ao sistema digestivo. Mas sua prevenção vai além. Vários estudos mostraram que animais com boas fontes de probióticos intestinais toleram e respondem melhor a vacinas e ficam imunes por mais tempo.

Além disso, também foi demonstrado que eles têm a capacidade de eliminar alérgenos do corpo, por isso eles têm sido usados ​​para melhorar alergias e doenças auto-imunes crônicas.

Na verdade, está sendo desenvolvida uma pesquisa que liga o papel dos probióticos na prevenção de tumores.

A administração de probióticos ao seu filhote pode ser feita por alimentação, com alimentos específicos ricos em boas bactérias, como iogurte, ou por suplementos formulados. Ambas as formas, no entanto, devem ser oferecidas apenas com autorização médica prévia.

Felizmente, existem atualmente vários alimentos concentrados para cachorros que oferecem probióticos dentro de suas fórmulas, bem como prebióticos (que são fibras de origem vegetal que alimentam probióticos para estimular sua produção). Como o Pedigree Healthy Puppy Growth, cuja composição oferece prebióticos.

Então, se você quiser oferecer probióticos para seu animal de estimação, um bom ponto de partida será escolher uma dieta concentrada que contenha.

Autorização para viajar ao exterior

A viagem com menores está sujeita a restrições específicas. A polícia de fronteiras, tanto dentro como fora do espaço Schengen, tem um mandato específico para prestar especial atenção aos menores, acompanhados ou não.

Autorização-para-viajar-ao-exterior

No caso de menores viajando desacompanhados, os guardas de fronteira têm a autoridade para realizar uma inspeção minuciosa dos documentos e dos documentos de viagem, a fim de garantir que os menores não deixem o território contra a vontade de pessoas que se exercitam custódia.

Se os menores viajarem acompanhados, o agente de fronteira pode solicitar documentação comprovando a autoridade parental do acompanhante ou daqueles que assinam a autorização da viagem do menor com outro adulto. Além disso, se o menor estiver acompanhado apenas por um de seus pais, a autorização expressa também poderá ser solicitada ao pai ausente ou uma investigação mais detalhada poderá ser realizada se ele suspeitar que o guardião do menor tenha sido ilegalmente privado da custódia do menor.

Recomenda-se, em geral, que a criança viaje sozinha, acompanhada por um dos pais ou por terceiros:

• Levar consigo a autorização expressa, no caso, dos pais, do pai ausente ou da pessoa legalmente exercendo o poder paternal .
• Levar os documentos de viagem comuns (passaporte ou Documento de Identidade Nacional, se aplicável).
• Traga com você a documentação que comprova a filiação e autoridade parental de acordo com o caso e o país de destino.

Uma vez preenchido e impresso o formulário de autorização deverá comparecer pessoalmente de segunda a sexta-feira entre 11h30 e 13h30 nos escritórios do Consulado Geral da Espanha em Bruxelas (rue Ducale, 85-87 / 1000 Bruxelas) com um documento de identidade (ID ou Passaporte espanhol) e o resto da documentação que certifica a autoridade parental da criança (DNI espanhol ou passaporte do menor, livro familiar, etc.).

Instruções passo-a-passo sobre como fazer crochê para iniciantes

Aprenda a fazer crochê com instruções passo-a-passo para iniciantes, desde o ponto básico até pontos agudos e pontos mais avançados, como fazer franjas e usar o nó de Salomão.

Comecei a fazer crochê aos 10 anos de idade. Na verdade, eu poderia fazer crochê antes de aprender a tricotar. Depois de aprender alguns dos pontos básicos, como o ponto da corrente da fundação, que é fácil de usar e dobra e triplos, você logo estará fazendo seus próprios cobertores, capas de almofada, roupas de bebê, etc.

Crochê datas do século XVI. Por volta de 1840, tornou-se moda na Inglaterra e desde então tem sido um dos tipos mais populares de trabalho. Todas as noções básicas de crochê são tratadas neste artigo.

Como fazer crochê e que algodão usar

Escolha de Algodão. – varia em número de 000 a 60 – isto é, muito grosseiro a muito fino; 26, 28, 30 são úteis para propósitos comuns e 36, 40, 50 e 60 para trabalhos muito bons.

Como fazer crochê e qual gancho usar

Escolha de gancho ou agulha. – Escolha um suave e selecione-o de acordo com a espessura do algodão. Ganchos variam em tamanhos de metade, de 1 a 6, 4 1/2 sendo um bom tamanho médio. Eu prefiro usar um gancho de metal, em vez de plástico ou acrílico como o fio escorrega melhor com os ganchos de crochê de metal.

Como fazer crochê e como realizar seu trabalho

Ao trabalhar, segure o gancho levemente na mão direita na posição horizontal, e com a mão esquerda segure o trabalho e segure o último ponto entre o polegar e o indicador. Coloque o algodão sobre o primeiro e segundo dedos, embaixo do terceiro e sobre o dedo mínimo da mão esquerda (veja a ilustração). Lembre-se que é perigoso carregar ganchos sem um suporte. Continue lendo

3 destinos turísticos para você conhecer durante as férias

3 destinos turísticos para você conhecer durante as férias

Conheça agora 3 destinos turísticos imperdíveis que devem fazer parte de suas próximas férias!

  1. Foz do Iguaçu

A cidade de Foz do Iguaçu fica localizada no extremo oeste do Estado do Paraná, já fazendo fronteira com a Argentina e o Paraguai.

De todas as cidades do sul do Brasil esta é uma das mais visitadas, sendo por esta razão, um dos 5 destinos turísticos para você conhecer durante as férias.

Estando na cidade então inclua no seu roteiro de passeio a famosa e cobiçada Cataratas do Iguaçu. Aproveite também para conhecer o Parque das Aves, que fica logo à frente do Parque das cataratas.

Faça também uma visita a hidrelétrica de Itaipu, onde você poderá escolher diversos passeios. Aqueles que eu aconselho fazer são: A visita panorâmica, no qual você terá a oportunidade de conhecer boa parte da usina, o passeio de catamarã a bordo de um navio pelo Lago de Itaipu.

Se dispuser de mais tempo, então vale muito a pena passar uma manhã fazendo compras no Paraguai, e de noite fazer um jantar na Argentina para deliciar a maravilhosa picanha.

  1. Gramado

Gramado é uma pequenina cidade do interior do Estado do Rio Grande do Sul, e fica a apenas 125 Km da capital Porto Alegre, ou seja, menos de duas horas de carro.

É para esta cidade onde brasileiros de todas as regiões viajam para conhecer a neve durante o inverno. Claro que é preciso um pouco de sorte, por que quando a tão esperada neve aparece, ela não dura por muito tempo.

Na cidade existem muitos atrativos, dos quais se destacam os vários museus, como por exemplo o Museu do Automóvel e o Museu Medieval.

Você ainda deverá visitar o Mini Mundo, as igrejas do Relógio e de São Pedro, a Rua Coberta, o Lago Negro, o lago Joaquina Rita Bier, o Parque Le Jardin, e muitos outros.

Lembre-se que na época do frio intenso, sentido durante o inverno, o chocolate quente e o fondue são duas atrações gastronômicas imperdíveis em Gramado.

  1. Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro é conhecido no mundo inteiro como a cidade maravilhosa, e isso por conta do povo acolhedor, das paisagens estonteantes e das belezas naturais encontradas nessa cidade.

Como parte de seu roteiro turístico você deverá incluir, necessariamente, um passeio ao Cristo Redentor, que é um monumento que está encravado no Morro do Corcovado desde 1931.

Deverá ainda visitar o Pão de Açúcar de onde você terá uma maravilhosa vista da Baía de Guanabara, da Enseada do Botafogo, e da zona sul da cidade, um das vistas mais magnéticas do Pão de Açúcar é do empreendimento Rio by Yoo, que fica localizado em frente ao empreendimento

Se você for um fã do futebol, então não poderá deixar de conhecer o famoso Estádio do Maracanã. Saiba que existem visitas diárias com tour guiado.

Também vale muito a pena visitar os bairros de Ipanema e Copacabana. São nestes onde você encontrará excelentes hotéis e também imóveis de alto padrão.

Alugar ou comprar um imóvel nesses locais certamente será um excelente negócio. Para matar a curiosidade, veja quanto custa um apartamento em Copacabana.

 

Como saber se a Empresa Deposita o Meu FGTS?

Como saber se a Empresa Deposita o Meu FGTS?

O FGTS é o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e, no Brasil, os trabalhadores fazem a contribuição mensal para que, em um momento futuro, possa sacar o valor.

O valor do FGTS também é usado como garantia para a compra de automóveis e casa, sempre de acordo com as regras de quem fará o financiamento.

E após o governo liberar o saldo das contas inativas do FGTS, muitas pessoas começaram a se perguntar se tinham ou não o direito e também se a empresa onde trabalhou fez o depósito correto dos valores.

Saiba como analisar se a empresa está depositando seu FGTS

O FGTS é um direito seu, então abra bem o olho para saber se sua empresa não está ignorando o dever dela!

Cerca de 7 milhões de brasileiros descobriram em 2017 que suas empresas não estavam depositando seus FGTSs. O prejuízo para os trabalhadores somou quase R$ 25 bilhões.

Quem descobriu que foi lesado pela empresa e não teve o depósito do FGTS pode abrir um processo na justiça contra a empresa.

As empresas, por outro lado, precisam comprovar a regularidade dos depósitos do FGTS dos seus funcionários através da emissão da Certidão Negativa do FGTS, conhecida também como CRF.

Mas vamos ao que interessa: confira como descobrir se a sua empresa deposita seu FGTS da forma correta.

Descubra como verificar o andamento dos depósitos do FGTS

Todo empregador tem a obrigação de fazer o depósito de 8% do salário do empregado em uma conta bancária vinculada ao FGTS.

E para analisar o seu saldo atual, é preciso acessar o site da Caixa Econômica Federal, confira o passo a passo abaixo:

  • Acesse o site da Caixa neste link
  • Preencha o campo informado com o número do NIS (PIS/Pasep)
  • E insira sua senha, caso ainda não tenha, acesse o painel inferior da página
  • Após acessar sua conta, confira o extrato do PIS e o valor que foi depositado

Nessa página, você poderá verificar todo o histórico de depósitos, além de analisar o seu saldo atual.

FGTS

Como ver o FGTS pelo aplicativo no celular

Com a informatização de vários setores, o Governo Federal criou um aplicativo para que os trabalhadores que contam com o FGTS possam analisar o extrato.

Para isso, basta baixar o aplicativo do FGTS, que está disponível para celulares Android, iOS ou Windows Phone. Verifique o aplicativo oficial neste link.

Também é possível conhecer o seu valor de FGTS por meio de SMS. Para isso, você precisa cadastrar o seu celular no site da Caixa. A partir daí você receberá todo mês as informações sobre saldo, extrato, depósitos, saques e etc.

Caso você não consiga desta forma, é necessário ir numa das agências da Caixa Econômica.

E se a empresa não está depositando o meu FGTS?

Após analisar as informações e não encontrar os valores como deveriam estar, você precisará procurar sua empresa para saber o que aconteceu.

O primeiro ponto importante, caso isso tenha acontecido por alguma falha, é tentar buscar um acordo para que a situação seja regularizada.

Caso a empresa recuse chegar a um acordo, uma denúncia deverá ser feita. O trabalhador deve buscar o Ministério do Trabalho, por meio da Superintendência Regional do Trabalho, munido do extrato da conta vinculada.

É muito importante que o trabalhador esteja sempre atendo aos seus direitos junto ao FGTS e também junto à Previdência Social Brasileira, justamente para evitar transtornos na hora que precisar desses programas.

Faz parte da beleza feminina gaúcha seguir os mandamentos do Chimarrão

Alguns mandamentos do chimarrão para serem seguidos

Com o passar do tempo, mais pessoas estão se apaixonando por essa bebida feita de erva mate. Já foram criados paródias, textos e até mandamentos em homenagem ao queridinho de boa parte do sul do país e além.

Mas apesar de ser algo simples e bem informal, a roda do chimarrão tem as suas regras que foram criadas em forma de mandamentos simples e diretos para serem seguidos. Aliás, se você é iniciante nesse assunto sobre mate, observe com atenção os pontos a seguir com uma pequena dose de humor:

Não peças açúcar no mate

A pior coisa que um gaúcho teme em ouvir, pode pedir de tudo, desde frutas até ervas exóticos, mas pelo amor de tudo o que há de mais sagrado, não peças açúcar no mate. Uma coisa que o gaúcho aprende desde piazito é que o mate é amargo e ponto. Iniciantes sempre tem umas ideias meio loucas de adicionar coisas aonde não foram chamadas.

O sabor amargo do mate deve ser sentido e saboreado com diversas coisas adicionais, mas não açúcar.

Jamais digas que chimarrão é algo anti-higiênico

Você tem total direito de achar o ato de tomar chimarrão em grupo algo anti-higiênico, mas você não tem o direito de falar isso. Melhor ficar com a boca fechada e evitar discussões desnecessárias.

Se acha que é muita falta de higiene tomar chimarrão em uma cuia que passa de boca em boca, então é melhor pedir uma coca cola no canudinho, ou um suquinho de garrafinha.

Não diga que o mate está quente demais

Se todo mundo tá tomando e não estão reclamando, então significa que a temperatura está ótima para pessoas normais. Caso tu não seja uma pessoa normal já é outra história e podemos até recomendar uma procura por ajuda médica. Caso seja igual aos demais, bom, o mate não está muito quente.

 

Não deixes um mate pela metade

Tu deves tomar TODA a água que lhe foi servida até ouvir o ronco da cuia vazia. Diferente do cachimbo da paz que você dá uma tragada e passa a diante, o mate você toma até o ronco no final.

Não se envergonhe do “ronco” no final do mate

Se quando você estiver terminando de tomar o mate, acontecer um pequeno ronco da bomba, não deves de forma alguma se envergonhar. É algo super normal. Só passe a diante e haja normalmente

Não mexas na bomba

Algo que pode muito bem acontecer é de a bomba do chimarrão entupir. Se isso acontecer com você, tens todo o direito de reclamar, mas por favor, de jeito nenhum mexa na bomba do chimarrão.

Não altere a ordem em que o mate é servido

O mate passe de mão em mão sempre na mesma ordem. Se você quer entrar na roda, qualquer hora serve. Porém deve sempre esperar a sua hora de pegar a cuia e não queiras nunca trapacear favorecendo alguém pois isso é completamente contra as regras dos mandamentos.

kit chimarrão feminino

Aprendendo a Falar bem

Aprendendo a Falar bem

Ter a confiança e conhecimento de falar em público é uma competência importante de se ter na vida pessoal e profissional.

Você não está sozinho, pense nisso, a maioria das pessoas tem medo de falar em público, tudo porque não tem calma e tranquilidade para preparar uma boa apresentação. Porém, com as dicas que darei neste artigo, você já tem muito conteúdo para superar seu medo de falar em público! Muitas vezes, temos ideia de que falar bem em público é, simplesmente, ter uma boa oratória, mas sua postura, gestos e feições são importantes para que está dizendo. aprenda um pouco mais sobre isso, entendendo mais sobre ethos e pathos, de aristóteles

Se você deseja falar bem em público, precisa dedicar muitas horas da sua vida a treinar.

ethos-pathos

Muitas pessoas tem medo de falar em publico porque se sentem pressionadas pelo julgamento das pessoas, mas falar em publico é se concentrar no outro, não em você.

Depois de sua apresentação ter atingindo ponto no qual você considera boa é hora de se apresentar para o primeiro público, no caso aqui esse é um público reduzido constituído de uma única pessoa de sua confiança que pode ser sua mãe, pai melhor amigo (a), namorado (a) etc.

Ninguém irá exigir de você uma oratória impecável, a sua única responsabilidade é falar de modo que as pessoas entendam razoavelmente, então não fique com medo de errar ou falar alguma bobagem, isso acontece o tempo todo. Medo de falar em público é algo tão comum e natural que as pessoas entendem muito bem se alguém fica nervoso e trava na frente de todo mundo.

Porém você não precisa sofrer por isso, medo de falar em público é um dos mais comuns. Quem tem medo ou vergonha de falar na frente de outras pessoas faz de tudo para fugir dessas situações, porém existem momentos em que não dá para correr, como por exemplo, nas apresentações de trabalhos, seminários e TCC, tão comuns em escolas e na faculdade. Para que você consiga dominar este medo ou receio de falar em público e tenha sucesso em sua apresentação, saiba que é interessante ressaltar três pontos, sendo eles: dominar método, a prática e assunto a ser tratado.

-É importante que você saiba sobre assunto a ser tratado, a intuição do discurso, público alvo, os recursos presentes para uma boa apresentação e a duração mínima e máxima para falar. Uma última dica para falar em público com segurança é começar uma apresentação com uma piada ou com uma pergunta para prender a atenção da plateia e aliviar pressões.

De acordo com site Psychology Today, três a cada quatro pessoas têm medo de falar em público.Sendo assim, seja você um aluno que está dando os primeiros passos no mercado de trabalho, ou um profissional competente, mas que vive quietinho para não ser chamado a apresentar alguma ideia para todos, é preciso vencer esse medo.

Um dos segredos para falar bem, é saber sobre que se está falando, ou seja, quanto mais você dominar assunto, melhor. Por isso, preocupe-se sempre em preparar um bom conteúdo antes de falar com as pessoas.

Não importa quanto você sabe falar bem em público, sempre tem que melhorar na sua apresentação. Quanto mais você conhecer essas pessoas, mais você conseguirá falar bem em público e mais resultados a sua mensagem terá na vida dessas pessoas.

Os que têm maior afinidade para falar de frente pra uma plateia são os que continuam se destacando enquanto aqueles que não querem aprender como falar bem em público continuam na sombra.

Nisso, as pessoas que já estão predispostas a falar bem em público são as que mais treinam e todos os outros seguem atrás, sentindo-se seguro na sombra dos oradores.